Anuncie Aqui 98705-3786




terça-feira, 18 de julho de 2017

O VEREADOR VICTOR SOUZA RECEBE EQUIPE TÉCNICA PARA TRATAR SOBRE PROJETO DE DESASSOREAMENTO DO AÇUDE MÃE D'ÁGUA

O Presidente da Câmara Municipal de Campo Redondo, vereador Victor Souza (PMDB), esteve na última terça-feira reunido com representantes de vários órgãos públicos e privados para uma reunião extraordinária que teve como pauta o desassoreamento do Açude Mãe d’água.
A iniciativa do chefe do Poder Legislativo de Capo Redondo foi motivada pela preocupação com o nível do assoreamento do Açude Mãe d’agua, principal manancial hídrico da cidade. Em resposta a solicitação da casa legislativa, foi realizada uma visita técnica para buscar uma solução para o problema.
O Açude Mãe d’agua foi construído na década de 50 e nunca foi realizada uma manutenção para preservar a capacidade do manancial, retirando o material causador do assoreamento.
Na avaliação do Prof. Dinarte Aéda, boa parte do assoreamento do açude é resultante da agua barrenta que com o passar do tempo vai “assentando” no fundo do rio, deixando a água limpa, mas, aumentando o nível de assoreamento açude.
Após a realização de um estudo técnico aprofundado o Vereador Victor Souza pretende apresentar uma proposta de recuperação da capacidade hídrica do açude, e acredita que quando o volume do açude voltar ao normal será possível à realização de um programa de repovoamento de peixes, para exploração privada e de associações locais, assim contribuindo com a segurança alimentar da população menos favorecida.
De acordo com o engenheiro de pesca, Dr. Elizeu Brito, com o desassoreamento do açude será possível o desenvolvimento da pesca extrativa através do cultivo permanente de espécies como Tilápias e Carpas.
Para o representante do Governo Estadual, o subsecretário de pesca e aquicultura da Secretaria de Estado, Antônio Cortez, o Governo está a disposição para colaborar com projetos que visam o benéfico de todos, principalmente dos menos favorecidos.
O encontro contou com participação de integrantes da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), como o Professor Dinarte Aéda da Silva que é especialista em Recursos hídricos e o Professor Antônio Alberto Cortez, que também é Subsecretário de pesca e aquicultura da Secretaria de Estado de agricultura, pecuária e pesca, além do Dr. Marcelo Estima Seabra Magalhães, técnico da Emater e do Dr. Elizeu Augusto Brito, Engenheiro de Pesca e Presidente da Associação dos Engenheiros de Pesca do RN.


Fonte Assessoria da Câmara

Nenhum comentário:

Postar um comentário